On 15 de jul de 2010 0 comentários



Era noitinha. o cara tranqüilo mijando no praça central da cidade. nisso chega o guarda e diz: - o fulano, aí não pode mijar não! - o mijador responde: -eu não to mijando não. guarda: -e o que é isto aí na sua mão, seu engracadinho! -ahhhh, isso aqui, seu guarda, é uma luneta. responde o mijador. guarda: -luneta? olha aqui, meu rapaz, eu conheço uma infinidade de nomes pra esse negocio aí, mas luneta, eu tenho certeza que esse negocio ai' não é. -pois eu posso provar pro senhor que isto é uma luneta então prove, seu espertalhão -se eu falar o senhor não acredita, mas é só eu começar a enfiar isso no rabo dos outros, eles vêem estrelas...

0 comentários:

Postar um comentário

Leia as regras antes de comentar:

1. Já existe um campo reservado para você colocar o link do seu site/blog. Comentários com qualquer tipo de links são deletados.

2. É terminantemente proibido o uso de Palavrões!

3. Lembre-se: Esse blog foi criado com o intuito de divertir a todos. O fazemos sem cobrar nada a ninguém. Sugestões e Críticas CONSTRUTIVAS serão sempre bem-vindas.