On 30 de out de 2010 0 comentários

Os dois tiveram uma discussão durante a sessão e ele resolveu sacanear o coitado
Um tatuador australiano de 21 anos provou a tese: “amigos, amigos, negócios à parte”.
De acordo com o jornal Queensland Times, o tatuador recebeu um amigo em casa e o convenceu a fazer uma tatuagem. Os dois combinaram que o desenho seria o símbolo yin yang com dragões.
Durante a sessão, os dois amigos tiveram uma briga e o “artista” se sentiu ofendido. Em vez de fazer o desenho oriental, ele resolveu sacanear o amigo, por trás.
O amigo da onça desenhou um “bilau”, ou seja, uma figura fálica. E das grandes.
Enquanto o tatuador realizava a obra, outro homem que estava vendo comentou que “estava ficando muito bom”.
O pior de tudo é que a vítima só descobriu que tinha um novo e grande “amiguinho” nas costas quando chegou à sua casa e mostrou para um amigo.
Segundo o detetive Paul Malcolm, que investigou o caso, o tatuador não deixou que o amigo olhasse o desenho após acabar a sessão.
O tatuador foi acusado de agressão e terá que comparecer a uma audiência no tribunal de Ipswich, no dia 15 de novembro.
Já a vítima decidiu que não quer continuar com a “arte” nas costas e irá tirá-la com sessões de laser.

0 comentários:

Postar um comentário

Leia as regras antes de comentar:

1. Já existe um campo reservado para você colocar o link do seu site/blog. Comentários com qualquer tipo de links são deletados.

2. É terminantemente proibido o uso de Palavrões!

3. Lembre-se: Esse blog foi criado com o intuito de divertir a todos. O fazemos sem cobrar nada a ninguém. Sugestões e Críticas CONSTRUTIVAS serão sempre bem-vindas.